Alvo de ação por desvio de verbas da Alep-PR, Rangel diz que quer ser governador

Prefeito Selfie  quer ser governador do Paraná. 

Parece piada, daquelas bem sem graça, não é? Rangel, que responde a ação do MP-PR, junto com outros políticos do PPS, por desvios de R$ 11,3 milhões da Alep-PR, quando ainda era deputado estadual, disse que se colocou à disposição do partido para concorrer ao cargo de governador em 2018. 

Ao site A Rede, de PG, Rangel disse o seguinte:


“Coloquei meu nome à disposição, quero discutir ações tomadas aqui em Ponta Grossa em nível estadual, debater o Paraná e nossos desafios”, afirmou o prefeito.

Resta saber "que ações" Rangel pretende discutir em nível estadual, além das gastanças com propagandas em jornais da cidade. 

====

A ação ainda corre no TJ-PR, desde 2015.



Comentários