Supostos desvios são abafados e Rangel nomeia mais um em cargo de confiança na secretaria de Obras

O prefeito-réu, Marcelo Rangel (PPS), sequer deu uma declaração sobre os supostos desvios na secretaria de obras, tocada por Márcio Ferreira, e que são objeto de denúncia por parte dos vereadores Guiarone e Cieslak, conforme divulgou o Diário dos Campos recentemente.

Visivelmente, há uma operação de abafamento sobre os supostos desvios, onde até a velha mídia local, com sites e blogues que mamam nas tetas do governo, quer dizer, do dinheiro do povo, se calam. 

Por outro lado, bajuladores do prefeito e do secretário-selfie, nas redes sociais, dizem que 'os vereadores que apontaram os desvios devem provar o que falaram'. 

Até agora, os vereadores estão quietos. 

E o prefeito nomeou mais um em cargo de confiança, como superintendente da secretaria de obras para atuar junto de Márcio Ferreira, só que não em vídeos e selfies, mas na parte administrativa. Trata-se de Jorge Barcelos, que estava no aeroporto Sant´ana, 

No lugar de Barcelos lá no aeroporto, mandaram o Victor Hugo de Oliveira, suplente de vereador na chapa do Partido Verde e ex-gerente da Agência do Trabalhador,  configurando um certo acordão.

Tudo abafado, prefeitura desgovernada por Rangel agora tentar aprovar o novo aterro na Bocaina, pagar a dívida milionária com a Sanepar sem desconto, dando R$ 11 milhões de brinde para a companhia, entre outras 'cosas'. 

===
REVEJA>>>

Prefeito e secretário se calam sobre denúncia de 'suposto desvio' de R$ 4 milhões em PG

Comentários